DICAS DE UM VIAJANTE SOLO: NÃO DÁ PARA DESBRAVAR O MUNDO SEM INCLUIR SALVADOR

DICAS DE UM VIAJANTE SOLO: NÃO DÁ PARA DESBRAVAR O MUNDO SEM INCLUIR SALVADOR

Salvador, fundada como São Salvador da Bahia de Todos os Santos, é um município brasileiro, capital do estado da Bahia. Localizado na Zona da Mata da Região Nordeste do Brasil, conhecida internacionalmente pela sua cultura muito rica, clima, gastronomia, musica e arquitetura. Primeira sede da administração colonial portuguesa do Brasil, é uma das mais antigas da América. A centralização como capital junto à colonização escravocrata foram importantes fatores na formação do perfil do município, da mesma forma que certas características geográficas. A influencia africana impera em muitos aspectos culturais.

Sou índio + branco + negro = miscigenação (mistura genética)

Moramos em um país cheio de diversidade seja cultural ou de raças, acho isso legal! Estive em Salvador e me senti em casa, apesar de ter família lá e ser carioca. Descobri as minhas raízes, meus ancestrais e com essa descoberta entendi que só podemos entender a cultura de outro país quando conhecemos a nossa!

Lembre-se Salvador é o começo de tudo!

Você conhece as suas raízes? Bem eu conheço as minhas! Então! Se você conhece as suas raízes pode preparar as malas e desbravar pelo mundo!

Hospedagem:

lembre-se que dá para se hospedar com muita qualidade, tendo ótimos serviços, sem ter que gastar horrores. Além de muitas opções de hotéis econômicos com uma infinidade de atividades que já estão inclusas no preço da diária.

Dica: Sol Plaza Sleep, Hotel Vila Galé Salvador, Golden Tulip Salvador, Fiesta Bahia Hotel e Sol Barra Hotel.

Sol Plaza Sleep é um hotel simples, apenas a 50 metros da Praia da Armação, próximo ao bairro Jardim Alá, 13 km do centro histórico do Pelourinho e a 15 km do Aeroporto Luiz Eduardo Magalhães. Já o Centro de Convenções está a menos de 4 minutos a pé. Bem localizado em frente ao mar e numa avenida paralela, muito fácil o deslocamento para qualquer área de salvador, passa todos os tipos de ônibus e tem paradas bem em frente, restaurantes bem perto e ao lado um supermercado, farmácia e caixa 24hr. O pessoal é bem atencioso e o café da manhã é bem farto e tem opções para todos os gostos.

É uma ótima escolha para viajantes interessados em praias, atrações turísticas passeios e pelo melhor custo beneficio. Eu Amei!

O que fazer em Salvador

Dica: City Tour Histórico e Panorâmico (os principais pontos turísticos da cidade), Praias (Praia da Armação, Praia do Farol da Barra, Praia de Ondina, Praia de Itapuã, Praia do Flamengo, Praia do Rio Vermelho, Praia de Amaralina e Praia de Boa Viagem) Ilhas (Passeio de Escuna pela Baía de Todos-os-Santos com parada nas Ilhas dos Frades e Itaparica),Salvador Bus(passeio em ônibus com vista panorâmica e paradas nos principais pontos turísticos da cidade),Bahia Noite (Rio Vermelho – Show com as principais manifestações da cultura baiana, incluso jantar com delícias típicas) e Lagoa(Abaeté)

Super indico! Por ser seguro e a vista ser privilegiada. Excelente opção pra fazer o típico papel de turista. Imperdível! Salvador Bus faz um tour rápido por Salvador passando pelos principais pontos turísticos. Ele segue pela orla, você faz o passeio curtindo músicas regionais, com um guia explicando um pouco da história dos lugares e tem a opção de você ir embaixo ou no piso superior sentindo a brisa do mar. Ele dá uma paradinha rápida no Mercado Modelo, (que fica bem próximo ao Elevador Lacerda e Pelourinho) Igreja do Bomfim, Farol da Barra e Memorial Irmã Dulce. E ainda tem serviço de bordo!

Depois de descer o Elevador Lacerda, você irá ficar quase em frente ao Mercado Modelo. O aspecto histórico é muito legal ele é um resumo da cultura da Bahia, traz muitas reflexões sobre nosso passado e histórias que costuram a trajetória do espaço histórico e símbolo da cultura baiana. Ao som de berimbaus e atabaques, que se misturam ao barulho urbano da região da Cidade Baixa. O edifício se define como o maior shopping de artesanato do Brasil.

Dentro do espaço, encontram-se restaurante e três andares de lojas de artesanato e especiaria local. Porem,o que mais me chamou atenção durante o passeio no interior do Mercado foi o subsolo , um lugar com ar misterioso e sombrio. Segundo as histórias que ouvi , o os escravos eram mercadorias levado para o subsolo, mas vendido em outro lugar. O edifício é uma antiga alfândega, neoclássica, todas as janelas eram protegidas por pesadas grades de ferro fundido para evitar roubos. O subsolo servia, originalmente, para guardar materiais refratários ao calor, como vinhos, munições, entre outros. Porém, com o aterro, o lençol freático subiu e o subsolo ficou alagado, sem condição de uso, e por isso passou a ser aberto para visitação.

Bem, verdade ou lenda, as pessoas que rondam o mercado a noite relatam que ouvem ruídos de correntes dos escravos que teriam habitado no subsolo.(Mistério)

O monumento é muito bonito, uma homenagem à antiga Igreja da Sé, tem grande beleza estética, de forte simbolismo, perfeito para fotos, permite uma visão de parte da cidade baixa e o Mercado Modelo avista-se também a baía de Todos os Santos, vendo-se ao fundo a Ilha de Itaparica e se for no entardecer, você assiste o por do sol que é imperdível!

Quando estive no Dique do Tororó, não contive a emoção. Parque lindo! Local histórico,com exposição de obras de arte de esculturas de Orixás , posicionada dentro da Lagoa. Porém para vê-las com detalhes é necessário dar a volta no parque ou acessá-las por pedalinho. É maravilhoso poder desfrutar dessa beleza natural com árvores, pista para bike e caminhadas. Aqueles que buscam a gastronomia local, existem alguns bons restaurantes às suas margens. À noite é recomendável uma volta dentro do carro para ver a iluminação dos Orixás e de uma fonte luminosa. Não percam ali bem perto fica à Arena Fonte Nova, o novo estádio de futebol.(vale a pena conhecer)

O Pelourinho, popularmente chamado de Pelô, é situado no coração do centro histórico da cidade, é um grande shopping ao ar livre, na área que se estende apenas as ruas que vão do Terreiro de Jesus até o Largo do Pelourinho. Compõe-se de ruas estreitas, enladeiradas e com calçamento em paralelepípedos. Oferecem inúmeras atrações artísticas e musicais, vale à pena caminhar pelas ruas e curti o passeio. Há uma concentração de bares, restaurantes, boutiques, museus, teatros, igrejas e outros monumentos de grande valor histórico, é como se voltássemos no tempo.

Você sabe o que significa Pelourinho? Não sabe?É o nome dado a uma coluna de cantaria (pedra) com argolas de bronze, onde os escravos, brancos ou índios eram amarrados e torturados para ser castigado por ter cometido algum delito ou tenham fugido dos engenhos. Essas sessões de tortura aconteciam no meio da praça e eram acompanhadas por toda a população. Sua beleza é feita de pedra e de sofrimento. Por aqui passa à vida inteira da Bahia, sua humanidade, a melhor e mais sofrida.

Caminhando pelas ruas pude sentir essa atmosfera, choro, grito, gemidos, suplica e dor, sim a dor em saber que meus ancestrais sofreram dessa forma. Ali se encontram tradições e práticas que refletem o passado e projetam o futuro. Vocês não imaginam como eu me senti ao saber que estava pisando num local de tanto sofrimento, marco de resistência negra em todo o país. Vá conhecer o Pelô, e aproveite esse momento de reflexão e reencontre com a sua verdadeira história e essência.

Uma homenagem ao herói negro Zumbi dos Palmares na Praça da Sé, em Salvador, simboliza a história de luta e liberdade do povo negro no Brasil. Saindo do ônibus ou subindo o elevador Lacerda, você encontra esta Praça onde tudo começa. O palpitar da cidade, a capoeira como ritmo visual, a baiana que pede cinco reais para se fotografar ao nosso lado! Além das típicas barracas de Acarajé e comidas típicas. Vale à pena conferir!

Igrejas Históricas de Salvador

Dica: Igreja do Bomfim, Igreja e Convento de São Francisco ,Igreja do Santíssimo do Sacramento do Passo e mais 369 igrejas lindas que constituem a história de Salvador.

A famosa igreja do Bonfim de bela arquitetura e interior muito rico e belíssimo, construida em estilo neoclássico com a fachada em rococó, fica localizada no alto da Sagrada colina, na península de Itapagipe. A igreja é palco de uma das maiores manifestações de fé da Bahia, a procissão religiosa entre o Largo da Igreja da Conceição da Praia até o Largo da Igreja do Bonfim (mais ou menos 8 km), que precede o rito da tradicional festa religiosa da Lavagem do Bonfim, considerada a segunda maior manifestação popular da Bahia.

Assim que cheguei na entrada da igreja deparei com a grade lotada de fitinhas de pedidos, aproveitei uma loja em frente e comprei as fitas, entrei na igreja , participei de uma missa, o que foi impressionante para mim, foi sentir a vibração espiritual do ambiente. Pedi a bênção do Padre e, depois fiz três pedidos(segredo) e amarrei na grade. Você já foi ao Bonfim ? Não ? Então vá!

Conhecida como a caverna de ouro, a Igreja e Convento de São Francisco é uma joia arquitetônica e artística no melhor estilo barroco, com uma riqueza de detalhes que é realmente deslumbrante e emocionante!. Além do ouro existe o paredão com as pinturas em azulejos vindas da coroa portuguesa, talvez uma das mais belas igrejas do Brasil.

Chegando a Praça Terreiro de Jesus , ao fundo, já se consegue visualizar incrível monumento. A a Igreja é simples por fora,mas impressionante por dentro, me senti muito emocionada ao entrar, a historia, a cultura e a paz que nos trás estando la dentro, é um passeio imperdível e necessário ser feito. Tem capela-mor, dedicada a São Francisco de Assis e oito capelas secundárias. As pinturas nos azulejos reproduzem o nascimento de São Francisco. Enfim,para quem puder, recomendo fazer uma visita guiada,com um bom guia,que irá contar detalhes da construção e costumes da época. Não é gratuito, mas vale a pena a visita.

Quando estive em Salvador, passeando entre o Pelourinho e o bairro de Santo Antônio, entrei em uma rua estreita e subi uma larga escadaria e, logo em frente, que liga a Ladeira do Carmo com a Rua do Passo avistei a Igreja do Santíssimo Sacramento do Passo que foi cenário do filme “O Pagador de Promessas”, único filme brasileiro a ganhar a Palma de Ouro, no festival de Cannes. Infelizmente não pude entrar porque estava fechada por conta do mau estado de conservação.

Após 20 anos, a igreja foi totalmente restaurada e reaberta ao publico, passou por um processo de estabilização da sua estrutura e na área interna (imagens, altares, telas e forros foram totalmente recuperados). No filme, a Igreja é chamada de Igreja de Santa Bárbara, mas, na verdade, essa é a Igreja do Passo. (vale à pena conferir a restauração)

Simples e bem conservada,o local foi a residência de Jorge Amado e transformado em um museu. É um ótimo lugar para os amantes de literatura brasileira. Adentrando, encontrei muitas recordações da vida do escritor baiano como: fotografias, alguns objetos pessoais do escritor e de sua esposa ,escritora Zélia Gattai, capas de seus livros edições brasileiras e internacionais e pôsteres de filmes de suas obras adaptadas. Um passeio que valeu muito a pena foi conhecer a Casa de Jorge Amado no Rio Vermelho , uma casa tão incrível como Jorge Amado e Zélia Gattai. A casa inteira respira arte, é indescritível, só estando lá para sentir. Não esqueçam de colocar no roteiro Super recomendo!.

Melhores Praias de Salvador:

Dica: Praia da Armação, Praia do Farol da Barra, Praia de Ondina, Praia de Itapuã, Praia do Flamengo, Praia do Rio Vermelho, Praia de Amaralina e Praia de Boa Viagem.

Conhecer o farol da barra é algo incrível,local perfeito para ver o pôr do sol. Na praia é possível ver a água cristalina e próximos dos recifes da para mergulhar (raso) junto com os peixes. Nos arredores tem o calçadão onde tem diversos hotéis, restaurantes e bares muito bons.(vale a pena conferir)

A praia é bem tranquila e linda. Tem extensa faixa de areia e muito espaço para o banhista. Para quem gosta de privacidade, longe da agitação este é um ótimo local. Ao longo da Orla encontramos algumas praticas de esporte: volei, caminhada e ciclismo. (Não deixem de conhecer!)

A lagoa do Abaeté não se resume somente ao que se conhece numa rápida passagem, é uma área de proteção ambiental das lagoas e dunas do Abaeté, está inserida no Parque Metropolitano do Abaeté, em Itapuã, possui também o Centro de Atividades, o Museu Casa da Música, a Casa das Lavadeiras, quiosques e restaurantes. O visual é belíssimo, contudo, a prefeitura precisa cuidar mais dessa maravilha natural.

Uma lagoa de águas escuras que tem uma profundidade de até cinco metros margeada por uma areia branquinha e fininha no alto das dunas de Itapuã com uma vegetação nativa exuberante em volta. Eu gostei muito de conhecer. Peguei o ônibus na orla e desci bem próximo ao local. Um lugar de muita paz!

Cuidados:

Em todos os lugares que atraem muitos turistas devemos ter todo um cuidado, porém existem algumas coisas que podem ser feitas para minimizar os riscos.

Dica:

  • Não ostente e procure tirar um pouco a aparência de turista (não use joias, relógios caros, celulares de última geração, super máquinas fotográficas, etc.).
  • Ao sair leve pouco dinheiro, apenas um cartão de crédito/débito (ou nenhum) e tire fotocópias coloridas de seus documentos para levar consigo (leve apenas uma).
  • Em lugares mais afastados, como a Lagoa do Abaeté, Farol de Itapuã, Dique do Tororó, vá sempre com um grupo, em horários de maior movimento e fique apenas o tempo necessário para fazer algumas fotos. Esses lugares, pela distância, não costumam ter uma segurança eficiente.
  • Nos cartões postais, como Mercado Modelo, Farol da Barra, Pelourinho, também vá em horários de maior movimento e fique muito atenta ao assédio das crianças e pedintes. Muita coisa acontece nessa hora. Não use bolsas muito grandes. O ideal é que seus pertences fiquem o mais perto possível de seu corpo (de preferência até nos bolsos de sua roupa, os da frente
  • E, em todos os lugares, fique antenada com o movimento ao seu redor. Muitos turistas (especialmente os estrangeiros) ficam deslumbrados com os lugares e nessa hora é que as coisas acontecem.
  • Não deixe de ir para lá pois Salvador é uma cidade mágica, maravilhosa

Espero que gostem deste post com essas dicas e vamos falar serio!Não da para desbravar o mundo sem incluir Salvador!

Comentários

Comentários



O que achou desse post?


%d blogueiros gostam disto: