8 lições que aprendi viajando sozinha

8 lições que aprendi viajando sozinha

E aí galera, como estão? Muita chuva por aí? Aqui no Rio de Janeiro São Pedro resolveu brincar com a gente um pouquinho. Mas tudo bem, por que amamos a vida do jeito que ela é. Hoje o post é  bem especial. Vocês sabem que nós amamos posts colaborativos e hoje em especial é um post feito com muito carinho, apesar de corrido. Por que nós  sabemos das dificuldades que uma mulher enfrenta ao viajar sozinha, mas exaltar essa a força das lições que aprendemos nos faz perceber que sim, nós podemos! Cada uma de nossas colaboradoras contou um pouco das lições que aprenderam ao cair na estrada sozinha.

Amanda

Aprendi que tem muita gente boa no mundo, mesmo que não pareça bem assim quando a gente vê os jornais e noticiários. Em todas as minhas viagens, pude contar com a ajuda e boa vontade de outras pessoas, seja um local ou outro viajante, assim como eu. Viajar sozinha me mostrou o lado bom das pessoas e isso é mais que uma lição: é um privilégio.

Angela

Aprendi que na hora de pedir qualquer informação o ideal é que sempre se procure uma banca de jornal, posto de gasolina ou PM. É muito mais seguro.

Bruna

Aprendi que precisamos respeitar o nosso tempo acima de tudo, talvez nossos planos sofram mudanças e nem tudo saia como planejado, mas o mais importante é levar uma experiência boa, e não ficar no desespero de cumprir um protocolo. temos que lidar com situações imprevistas, e não há problema nisso!

Camila

Aprendi que sim, eu posso viajar “sozinha“, mesmo que não tão sozinha, por que tenho a bebê,

Luiza

Aprendi, assim como a Amanda que tem muita gente boa no mundo disposta a ajudar.

Marina

Aprendi que ser independente é muito bom, e que eu posso fazer o que eu quiser, mesmo estando sozinha.

Natália

Aprendi que é sempre que saibamos como funciona o sistema de venda de remédio onde você vai (no Chile não da pra comprar nada sem receita, nos EUA eles não usam dipirona…) porque passar perrengue e não conseguir resolver é um inferno.

Raquel

Aprendi que ainda sou muito carente e que preciso trabalhar melhor esse lado. E praticar o desapego.

E vocês, quais dessas lições aprenderam também? Contem pra gente qual a lição mais importante você aprenderam viajando sozinhos?

Comentários

Comentários

Mulheres tão particulares, com um único objetivo em comum, viver as melhores (e maiores) aventuras já vistas. Juntas ou sozinhas, nós queremos é viver! E compartilhar nossas experiências para que possamos inspirar cada vez mais, outras mulheres.



1 thought on “8 lições que aprendi viajando sozinha”

O que achou desse post?


%d blogueiros gostam disto: